Thursday, August 30, 2007

Orquídea Nr. 16



Oncidium 'Rosy Sunset'

Com flores muito pequeninas e muito numerosas. O perfume... na minha opinião é enjoativo, mas há quem goste...

Wednesday, August 29, 2007

Sempervivum arachnoideum

O mais recente dos meus Sempervivum...
Parece que andaram aranhas a cobri-los de teias!...

Tuesday, August 28, 2007

Euphorbia...

Esta é uma Euphorbia characias... Não tenho a certeza do nome, mas parece-me que sim. É a espécie que existe na Peninsula Ibérica!
Esteve bastante tempo 'tremida' mas agora despertou com força e está completamente estabelecida. Gosto bastante da folhagem e das flores que, como dizia um amigo meu, são das mais complicadas do mundo vegetal...


Monday, August 27, 2007

Chicco

Este é o meu gato mais velho. Está comigo desde que vim para Lisboa, há 12 anos.
É muito bonito e mimado. É quem faz mais asneiras no jardim...
Mas alguém resiste a esta carinha de 'anjo'??

Baby Necklace

Uma suculenta muito bonita. É um hibrido de Crassula rupestris x Crassula perforata.
Desde que a mudei de vaso que parece que explodiu de energia. Ou está cheia de rebentos ou de flores... Depois dou mais notícias sobre esta.

Sunday, August 26, 2007

Saturday, August 25, 2007

Mais Clematites...

Por falar em Clematites, ontem, no LIDL tinham clematites pequenas à venda muito baratas... Comprei três:

Dr. Ruppel
The President
Miss Bateman



Agora vão ser mudadas para um vaso maior com uma armação para trepadeiras e aguardar que dêem flores para ver o que sai. Eu costumo colocar cascalho no cimo do vaso para evitar que o substracto seque. Elas gostam de ter os 'pés' húmidos...

Friday, August 24, 2007

Neoregelia carolinae

Mais outra bromélia... esta comprei-a no Continente. Por vezes encontram-se plantas baratas e bonitas nas grandes superfícies.
Esta tem as folhas verdes mas todo o centro fica vermelho vivo. As flores são pequininas e liláses e espreitam no centro da bromélia.


Clematites 'Vino'

Foi a segunda da minha colecção a dar flor.
Apesar de ser bonita é praticamente igual à que ariu primeiro, a 'Ville de Lyon'...
Tenho mais em botão!!

Tuesday, August 21, 2007

Bouganvilia

Ou é um híbrido anão ou de muito lento crescimento.
Vêmos que não está a morrer porque nos presenteia com estes cachos de flores rosa-forte.

Friday, August 17, 2007

Estufa Fria

'A Estufa fria, situada no local de uma antiga pedreira, começou a ser plantada em 1910, integrada no projecto urbanistico do Parque Eduardo VII. Com regatos artificiais e uma profusão de plantas exóticas, obteve de imediato a adesão do público, sofrendo sucessivas ampliações, que postriormente levaram à construção da estufa quente e de um pavilhão envidraçado para a realização de exposições temporárias e feiras.'
Este é o texto escrito numa placa à porta de entrada na Estufa fria, no Parque Eduardo VII, em Lisboa. Depois de pagarmos uma quantia absurda de 1,58 Euros (porque não 1,60?) ou 0,79 Euros para os jovens ou idosos (mais uma vez porque não 0,80 Euros?), entramos neste que deve ser o espaço verde mais visitado em Lisboa, tanto por residentes em Lisboa como por turistas.
Apesar de algumas partes necessitarem de um arranjo urgente, particularmente o tecto, gostei do aspecto geral da estufa. Estava tudo muito bem arranjado, muito limpo. Tive pena que a colecção botânica seja fraca e muito repetitiva. há espécies que se repetem por todo o lado. Dá a sensação que algumas espécies alastram por toda a estufa e se não forem cortadas vão entrar em competição com outras espécies de crescimento mais lento acabando por extermina-las.
Mais uma vez me queixo que os portugueses não sabem fazer dinheiro. Mais um espaço que beneficiaria muito com uma pequena loja de recordações e um bocadinho de modernização.
Pode ser que daqui a 3 anos, no 100º aniversário, alguém se lembre que a ESTUFA FRIA existe.









Wednesday, August 15, 2007

Fuchsia Delta's Sarah

Esta fuchsia é considerada muito resistente e pode ser deixada no exterior durante todo o ano. É do tipo arbusto e pode ser usada em cercaduras, vasos, etc.
A minha, como ainda é pequenina, está num pequeno vasinho e até parece uma fuchsia pendente. Será mudada para um vaso maior quando crescer.
Dá flores todo o Verão e Outono. São flores meio dobradas com as sepalas brancas e as pétalas azuis que desvanessem para um lilás claro com o tempo. A cor azul contrastando com o branco torna-as uma das fuchsias mais escolhidas para os jardins.



Saturday, August 11, 2007

Catasetums

Estou a ficar apaixonado por esta família de orquídeas. Ainda não tenho nenhuma mas numa das minhas próximas compras vou arriscar com uma ou duas para ver como se dão na minha estufa.
Entretanto foi-me recomendado este blog , do brasileiro Dan Souza, que já faz parte dos meus favoritos.


Clowesia warsceviczii
Foto retirada do blog

Cyca revoluta

As Cycas são das plantas mais antigas do nosso planeta. (so they say...). São muito bonitas e apesar de muita gente pensar que são palmeiras ou fetos, não é o caso. São da família das Cycadaceas e estas são nativas do sul do Japão.
Há uns 15 anos comprava-se as Cycas por 1000$00 cada folha. Se a planta tinha 3 folhas, eram 3000$00. Eram caras e eu comprei mesmo uma pequenina com três folhas. Passados 15 anos e depois de ter sido colocada na terra, no jardim dos meus pais, está muito grande e há uns dois anos surpreendeu-nos com uns filhotes em forma de pinha junto à base.

Tinha intenção de a trazer para o meu jardim e coloca-la num vaso grande, mas foi impossível para mim arrancá-la do chão sem a estragar. Assim, contentei-me em trazer os filhotes. Acho que quatro. Coloquei-os em vasos, os dois maiores ficaram na rua e os dois mais pequenos na estufa.

Nesta foto mosto as três primeiras folhas de uma das pinhas que ficaram na estufa. As que estão no exterior, como eram maiores já têm as folhas completamente formadas.


Cyca revoluta

Thursday, August 09, 2007

Jardim Botânico da Universidade de Lisboa

Fica atrás do Museu de História Natural de Lisboa e no fim-de-semana passado decidi ir mostrar o borboletário a uma amiga que está a passar férias na minha casa.
Para ir ao Borboletário, é obrigatório ir ao Jardim Botânico da Universidade de Lisboa. Não por gostar muito deste jardim, mas porque o borboletário está dentro do jardim botânico.
Mas como gostamos de jardins, não é sacrificio nenhum.
Já tinha ouvido dizer que havia uma estufa de plantas carnivoras e perguntei na bilheteira onde era. Era logo em frente. Uma grande desilusão.
Uma estufa grande e tão mal aproveitada. Eu diria mais. Abandonada. Fiquei envergonhado por todos aqueles estrangeiros que devem de estar habituados a visitar jardins botânicos de outros países e ali tinham aquele triste espectaculo para ver.
As duas fotos seguintes são do espaço das carnívoras.





Depois o jardim é uma continuação da estufa. Plantas num estado triste. A precisar de serem regadas, podadas, tratadas.

Algumas lá vão ainda florindo...



A novidade que contrasta com o resto é a novidade do borboletário. Muito bonito mas com sabor a pouco. Muito mais poderia ser feito. Eu já lá tinha estado no Inverno passado e estava à espera de mais borboletas. Mais variedade.
E depois a falta de merchandising é uma coisa típica das boas idéias portuguesas. A idéia é boa, a exposição está bem feita mas falta um apoio comercial. Livros sobre borboletas, dvds, t-shirts giras, bonecos, fotos, postais... tanta coisa que podia ser feita. Estamos em Portugal.

Foto de Borboletas Monarca. Destas eram ás dezenas!

Tuesday, August 07, 2007

Em flor

Há plantas que nem estamos à espera que dêem flor.
Este é um exemplo.
No entanto, sem inibições, aqui estão as florecas da Setcreasea purpurea.

Friday, August 03, 2007

Bromélia

Todas estas bromélias fazem parte da mesma planta. Só três delas estão plantadas no vaso. As restantes são aéreas e estão ligadas ás plantas mãe.

Thursday, August 02, 2007

Sempervivum em flor

Palavras para quê?...


Barba-de-Velho

É como é conhecida esta bromeliacea. Sim, é uma bromeliacea apesar de se parecer mais com um liquen. Também já ouvi chamar-lhe de Musgo Espanhol.
Como a maior parte das bromeliaceas, são plantas epífitas e não precisam de vasos. Basta pendurar numa àrvore ou num gancho e colocar num local com alguma humidade para elas retirarem a humidade do ar.



Quem olha para o aspecto 'meio-seco' desta planta, não a imagina com flores. Mas ela tem flores. É claro que são pequeninas. É preciso estar com atenção.


Tillandsia usneoides

Wednesday, August 01, 2007

Abutilão

Como gostaram tanto da planta do post anterior, aqui fica a foto da flor aberta. Abriu hoje. Parece que ouviu a nossa conversa!